E-mail marketing ainda funciona?

O e-mail marketing chegou a ter certo preconceito por que alguns diziam que esse canal não funciona mais. Será que isso é verdade?

Ilustração sobre e-mail marketing ainda funciona
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

E-mail marketing ainda funciona?

Uma pergunta retórica entre empresários de variados segmentos. No início, quando o e-mail se popularizou, era o canal mais utilizado como comunicação com os clientes. Com o passar do tempo, o e-mail marketing chegou a ter certo preconceito por que alguns diziam que esse canal não funciona mais, principalmente com o advento das redes sociais.

Será que isso é verdade? Vamos mostrar que não é bem assim.

O Inbound Marketing prova a eficácia de um bom e-mail marketing

O Inbound Marketing une várias formas de marketing digital e tem como objetivo converter visitantes em leads, e quando falamos leads é a captura de e-mail (principal fonte de contato digital) para depois estabelecer canal de comunicação com usuário propenso a se tornar cliente.

Na prática, os usuários recebem materiais ricos por e-mail e com automação de marketing passa a receber e-mails segmentos com conteúdo de qualidade.

Alguns dados que justificam uso de e-mail marketing nas suas estratégias

Em média, funcionários de empresas passam 13 horas da sua jornada semanal de trabalho verificando caixa de entrada de e-mails. Bastante né? Claro que depende do segmento. O uso de e-mail é mais comum para quem faz atendimento diversificado, quem trabalha em escritórios, entre outros. Mas não devemos esquecer a grande parcela dos internautas que visualizam e-mails pelo menos no final do dia.

De acordo com pesquisa divulgada pela Pew Research, cerca de 92% dos internautas utilizam e-mail, e deste montante aproximadamente 60% utilizam todos os dias.

No Google Ads é possível criar campanha destinada somente para Gmail, isto é, exibir anúncios em locais específicos do e-mail. As empresas relatam ótimos resultados, o que reforça ainda mais o poder que e-mail ainda possui no meio digital.

De acordo com a Hubspot, cerca de 12% dos usuários de email possuem caixas de entrada separadas para uso pessoal e profissional, isto é, contam com duas contas de e-mail, o que multiplica o uso deste canal tão importante.

Apesar da ascensão de aplicativos de mensagens, como o Whats App, o e-mail ainda é o canal mais usado e visto como relevante para assuntos específicos, como recebimento de anexos (documentos importantes), formalização de contrato, lembretes, notificações, declarações, entre outros fatores.

Temos mais de 80 motivos para expor aqui por que é importante investir no e-mail marketing, mas aí a leitura ficaria longa né.

Como fazer e-mail marketing eficiente?

Quem relata que e-mail marketing não funciona é por que não faz um bom trabalho.

Não deve disparar e-mail sem planejamento estratégico e de conteúdo. E se você está comprando listas de e-mail, pare agora! Importante que o seu site tenha mecanismos apropriados para coletar e-mail qualitativos.

Segmentação

Esse é o primeiro passo para ter uma ótima taxa de abertura e conversão por e-mail. A segmentação de e-mail sugere que conteúdos sejam enviados de acordo com os interesses do destinatário.

Se um determinado cliente da sua loja virtual comprou livros de comunicação nos últimos meses, logo, é prudente enviar e-mails marketing exatamente para tratar sobre livros do mesmo ou semelhante gênero. E não precisa ser apenas e-mail com ofertas, mas informativo, com lançamentos, resenhas, etc.

Título eficiente

Mais da metade dos usuários que recebem e-mail optam por abrir uma mensagem caso o título seja intuitivo, claro, persuasivo e lógico, que tenha relação com o interesse do usuário, fator este último resolvido pela segmentação que tratamos agora pouco nesta leitura.

Evite palavras spam

Por padrão, os mais populares sistemas de e-mails, como Gmail, Yahoo e Outlook, têm listas de palavras que são mais propensas a mensagens serem direcionadas à caixa de Spam.

Alguns exemplos de termos que devem ser evitados no título:

  • Oferta
  • Comprar
  • Desconto
  • Promoção
  • Frete grátis
  • Clique
  • Assine
  • Visite o site 

Uso de sistema e programação otimizados

Há diversos sistemas de disparos de e-mail e também é preciso ter muitos cuidados na hora de programar. Deve-se pensar no layout intuitivo, otimizado para dispositivos móveis (não esqueça que milhões de usuários abrem e-mail em smartphones).

Testes devem ser realizados antes de disparar para os contatos. No processo de programação pode ocorrer erros, elementos com falhas de configuração e tudo isso é evitável realizando testes.

Ofereça oportunidade de descadastramento

Sabemos que qualquer empresa ou na estratégia de marketing perder um usuário que pede para descadastrar recebimento de e-mail é frustrante. Mas não tem jeito, no final do e-mail precisa ter um link para o usuário informar o pedido de descadastramento.

Se por um lado é ruim perder um contato, por outro, de nada adianta disparar e-mail para quem não deseja mais recebê-lo, concorda?. É uma oportunidade para limpar a base de dados e disparar e-mails para rede de contato mais qualificada, o que impacta bastante na taxa de conversão.

Mesclar conteúdo com oferta

Nem todo usuário gosta de receber apenas ofertas, promoções e preços. Há muitos que adoram conteúdos informativos e empolgantes. Lembra da segmentação que mencionamos? Pois bem, com mecanismos ou métodos para coletar as preferências dos usuários, muito interessante disparar e-mails com conteúdo intimamente relacionado aos interesses de cada um.

Sem sombras de dúvidas, disparar alguns e-mails com conteúdos de qualidade e informativos, não exclusivamente de ofertas, diminui a taxa de descadastramento e aumenta o engajamento da sua marca com ótima base de contatos.

Viu como e-mail marketing funciona bem? Basta fazer do jeito certo. E isso sabemos fazer.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Deixe seu comentário aqui:

Lista VIP!

Gostou desse artigo? Quer receber mais? Cadastre-se e receba em seu e-mail os próximos conteúdos em primeira mão.

Quero entrar na lista vip

Nós também odiamos Spam!

Veja também!

Temos mais conteúdo que pode agregar ao seu conhecimento.